cabeçalho FPCEUP CIIE english version FPCEUP english version FPCEUP CIIE english version FPCEUP english version FPCEUP CIIE english version FPCEUP english version FPCEUPCIIE english version
menu português página inicial Notícias equipa contactos publicações assédio sexual e observadores o projeto atividades o seminário objectivos temas submissão de propostas inscrição o projecto contactos  

ASSÉDIO SEXUAL E "OBSERVADORES" (BYSTANDERS)

  • O Assédio Sexual é entendido como uma atenção sexual não desejada física e não-física, verbal e cibernética, e um conjunto de comportamentos que vitimam mulheres e meninas. Um inquérito desenvolvido pela FRA (2014) mostra, através de um relatório, que a prevalência global do Assédio Sexual na UE é de 55%, especificamente 68% no Reino Unido, 50% em Malta, 44% na Eslovénia e 32% em Portugal. O relatório refere também que em 2014 houve: 25% de mulheres vitimas de Assédio Sexual no Reino Unido, 20% em Malta, 11% na Eslovénia e 15% em Portugal. Estes resultados reforçam que o Assédio Sexual é uma experiência comum para mulheres desde tenra idade. Rapazes e homens também podem ser vítimas de SH, especialmente quando não cumprem os padrões da socialização hegemónica da masculinidade.
  • Os perpetradores podem ser pessoas conhecidas da vítima, tais como amigos, parceiros, colegas e outros, bem como pessoas desconhecidas.
  • Importa ainda considerar como é que os episódios de assédio sexual são  vivenciados por pessoas que podem não estar diretamente envolvidas neles - espectadores – e qual o seu papel na situação.
  • Dada esta importância, começa a surgir uma nova prática promissora na prevenção, que engloba aqueles/as que testemunham estes episódios – bystanders, e que oferece oportunidades interessantes para a criação de alianças entre jovens mulheres e homens e pessoal nas escolas.

FPCEUP english version