A Utilização de Dispositivos Sincrónicos de Verificação das Aprendizagens como Contributo para a Melhoria da Qualidade das Mesmas

Financiamento
Universidade do Porto / Banco Santander Totta

 

Referência
PP.24. IJUP.2011

 

Investigadora responsável
Ana Mouraz

 

Equipa 
Paulo Garcia (FEUP)
Diana Ubano (FEUP)
Armando Araújo (FEUP)

 

Duração
01.10.2012 - 30.09.2013

 

Consórcio
Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto

 

Resumo
A implementação do processo de Bolonha no Ensino Superior assumiu, em Portugal, duas vertentes de desenvolvimento. Até 2010 tratou-se de garantir, do ponto de vista organizacional, os objetivos do modelo. A partir dessa data, certamente determinada pelo horizonte 2020, o esforço foca-se nos métodos de ensino e nas aprendizagens dos estudantes.

É neste contexto que o projeto 'Dispositivos sincrónicos...' investiga as condições e os efeitos de modos de avaliação formativa, produtora de informação em tempo útil e permitindo aos estudantes a realização de alterações ao longo do processo de aprendizagem. Pretende-se avaliar o impacto na aprendizagem dos estudantes pelo recurso ao feedback e à autorregulação das aprendizagens, mediante a utilização de dispositivos de resposta automática e síncrona.

Trata-se de um estudo quantitativo e qualitativo, não experimental, focado em duas Unidades Curriculares da área da Engenharia, que aplicaram durante o primeiro semestre de 2012/2013 um procedimento de avaliação formativa de resposta automática e síncrona. Face à natureza diferenciada das UC - uma básica e transversal e a outra específica -, espera-se relacionar os resultados dos estudantes com a abordagem avaliativa e discutir o seu alcance pedagógico.